Contador da Fazenda Estadual de Santa Catarina ministra palestra no MBA Contabilidade Pública da FIPECAFI

Adriano de Souza Pereira, Contador da Fazenda Estadual da Secretaria de Estado da Fazenda de Santa Catarina, realizou palestra, em 27 de março de 2015, das 19 horas às 22 horas, sobre “Desafios dos Contadores do Setor Público no Processo de Convergência das Normas Brasileiras aos Padrões Internacionais no MBA Contabilidade Pública da FIPECAFI.

A Profa. Dra. Patrícia Siqueira Varela abriu o evento, fez a apresentação do palestrante e agradeceu a presença de alunos e convidados.

Os participantes puderam conhecer as iniciativas do Estado de Santa Catarina e trocar experiências em rico debate sobre Contabilidade do Setor Público.

Adriano de Souza Pereira destacou a importância do contador público desenvolver atuação na estratégia governamental e ter o desejo de informar para os diversos públicos. Pereira encantou os presentes com a disseminação de práticas do Estado de Santa Catarina como o Portal do Gestor Financeiro, que permite avaliação em tempo real (até mesmo em dispositivos móveis, como smartphones) das contas públicas e projetos do governo. Apresentou iniciativas como Relatórios Anuais (Balanço Geral do Estado) e resumo em uma única página das principais informações financeiras. E publicação resumida em inglês para oferecer informações também para investidores internacionais em projetos no Estado de Santa Catarina.

Pereira, que também é Conselheiro do CRCSC (Conselho Regional de Contabilidade de Santa Catarina), destacou que a contínua valorização da profissão virá com o contador deixando de realizar apenas tarefas operacionais para contar o que passou e passar a colaborar com informações estratégicas para garantir a sustentabilidade financeira das ações de governo (ajudar na elaboração de cenários, orientações, estatísticas e previsões).

O contador apresentou, também, o SIGEF (Sistema Integrado de Planejamento e Gestão Fiscal) do Estado de Santa Catarina que permite o acompanhamento físico e financeiro das ações de governo. “A convergência da contabilidade pública brasileira para as normas contábeis internacionais (IPSAS – International Public Sector Accounting Standards) é oportunidade para valorização profissional dos contadores, que devem contribuir para melhorar controles, sistemas, racionalização, desburocratizações e cuidar mais de informações estratégicas”, frisou.

“A base para a convergência contábil em Santa Catarina se baseou em equipe, sistemas e procedimentos”, apontou. O objetivo foi fomentar a sustentabilidade financeira das ações do governo evoluindo do descritivo para o prescritivo, automatizando processos e buscando propor alternativas dentro do planejamento e gestão fiscal.

“É cada vez mais importante organizar os dados, transformar em informações úteis por meio de indicadores para decisão dos gestores públicos”, concluiu.

A Profa. Dra. Patrícia Siqueira Varela agradeceu o entusiasmo de Adriano de Souza Pereira ao disseminar informações de referência na adoção das normas contábeis internacionais no setor público, enfatizando a importância dos contadores ganharem ainda mais relevância ao adotar instrumentos com foco na gestão do conhecimento.

 

Mais informações:

http://www.sef.sc.gov.br/transparencia

Transparência Móvel-SC

http://bit.ly/1FY5L8n

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>