Custos no Setor Público

custo

Cristina de Jesus Martins da Silva*

A Contabilidade Pública está passando por um importante momento de mudanças de
foco e consequentemente das práticas contábeis. Essa nova visão busca resgatar no
setor público o Patrimônio como objeto de estudo da ciência contábil e desenvolver
mecanismos de avaliação e controle da administração dos recursos públicos.

Nesse contexto, o controle dos custos do setor público está sendo fortemente exigido pelos órgãos normatizadores, e pela sociedade como ferramenta de apoio à avaliação da
gestão pública. Esse estudo, portanto, teve por objetivo, analisar como está sendo
abordado o tema Custos no Setor Público, nos artigos apresentados no Congresso
Brasileiro de Custos, utilizando-se da pesquisa bibliográfica e documental.

Os resultados obtidos mostram uma tendência em se adotar a metodologia do Custeio ABC (Activity Based Costing) para apurar os custos dos serviços públicos. Como principais vantagens do método, está o fato de que os serviços concentram atividades o que pode facilitar o desenvolvimento do método e o tratamento dado aos custos fixos que são direcionados de uma forma mais julgada mais correta. As áreas mais focadas foram Educação e Saúde. A maioria dos estudos desenvolveu-se por meio de estudo de casos, que utilizam dados reais para testar metodologias de custeio.

De olho nesse contexto, a Faculdade FIPECAFI oferece o MBA Contabilidade Pública.

O curso  discute e aplica o arcabouço conceitual relativo às normas brasileiras e internacionais de contabilidade aplicadas ao setor público, bem como as bases jurídico-administrativas necessárias à aplicação e interpretação das referidas normas. O curso possui enfoque teórico-prático permitindo aos estudantes a solução de problemas relacionados ao seu ambiente de trabalho.

Saiba mais e faça sua inscrição clicando aqui!

SILVA, Cristina de Jesus Martins da. CUSTOS NO SETOR PÚBLICO: Análise dos artigos sobre o tema Custos no Setor Público apresentados no Congresso Brasileiro de Custos. Curitiba, 2011.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>