Prof. Dr. Carlos Alberto Pereira ministra aula inaugural do MBA Gestão Tributária

O Prof. Dr. Carlos Alberto Pereira, Coordenador do MBA Gestão Tributária e Diretor Administrativo-Financeiro da FIPECAFI, ministrou, em 17 de março de 2015, a partir das 19 horas, a aula inaugural da 19ª Turma do MBA de Gestão Tributária. Alunos e convidados lotaram o auditório da sede da FIPECAFI, em São Paulo (SP).

O Professor Carlos Alberto Pereira apresentou o cenário tributário em amplo processo de reformulação, a entrada definitiva na era digital e a integração de informações em todas as esferas no Brasil e exterior (ou seja, colaboração da inteligência fiscal entre países).

O cenário tributário se sofistica com o cruzamento de informações, ao mesmo tempo em que ocorre uma complexidade na legislação fiscal e carga tributária crescente. “São 46 normas por dia útil e excesso de obrigações acessórias, ficando o Brasil em primeiro lugar no ranking Tax Compliance”, frisou o Prof. Carlos Alberto Pereira, que também é coordenador do Núcleo de Estudos em Controladoria e Gestão Tributária (EAC-FEA-USP).

“O cenário do Sistema Tributário Brasileiro reforça o papel estratégico da gestão tributária das empresas”, argumenta.

O Prof. Carlos Alberto Pereira destacou a importância da interdisciplinaridade e integração de conhecimentos. “Uma gestão tributária eficaz requer conhecimentos jurídicos, econômicos, contábeis, administrativos e legais”, declarou. O desafio do Comitê Tributário é integrar os conhecimentos. “A área tributária é tão ampla e complexa que se não houver integração de conhecimentos – dentro de uma visão global do negócio – os riscos tributários podem comprometer a continuidade do empreendimento”, afirmou.

MBA Gestão Tributária – O MBA Gestão Tributária foi lançado em 2008 e tem entre seus diferenciais: a abordagem interdisciplinar, integrando conhecimentos contábeis, jurídicos, legais, fiscais, econômicos e gerenciais. Os conhecimentos teóricos e práticos são aplicados às decisões tributárias. Professores altamente qualificados, especializados e experientes. Aulas presenciais são muitas vezes com os próprios autores dos livros. O curso possibilita networking entre profissionais com diferentes formações e experiências em diversas áreas de atuação. São realizadas palestras e workshops sobre temas atuais e relevantes, material didático incluso, turmas regulares e simultâneas e o MBA Gestão Tributária da FIPECAFI é referência no mercado.

“Com base em abordagem interdisciplinar, o curso oferece aos participantes conhecimentos teóricos e práticos, oriundos das áreas contábil, jurídica, legal, fiscal, econômica e administrativa, necessários para a identificação de oportunidades e o desenvolvimento de estratégias que objetivem a otimização dos custos tributários, o aumento da competitividade e a melhoria dos resultados das empresas”, concluiu o Prof. Dr. Carlos Alberto Pereira.

 

Inscrições abertas para a Turma 20 do MBA Gestão Tributária– com início do curso previsto para maio de 2015

www.fipecafi.org.br

(11) 2184-2034 Fax (11) 2184-2001

Patrícia Ferreira

 

Mercado de trabalho em 2015 é favorável a profissionais de finanças

O mercado de trabalho este ano tem seguido uma linha cautelosa quanto a investimentos e controle financeiro por parte das organizações. O cenário anda favorável aos profissionais de finanças, já que é a área que mais está em evidência nas empresas.

Recrutadores entrevistados pela Exame afirmaram que boa parte das empresas não conseguiu bater suas metas no ano passado, tornando necessária a presença de um profissional para organizar este objetivo e realizar a gestão financeira da empresa, maximizando sua rentabilidade.

Gerente ou diretor de planejamento financeiro, gerente de planejamento tributário, gerente ou diretor de compliance e controles internos, controller, diretor financeiro e executivo de governança corporativa são alguns dos cargos que se manterão em alta este ano.

As funções exigem graduados em Administração, Economia, Engenharia ou Ciências Contábeis, além de pós-graduação na área financeira. Conheça as grades de curso da FIPECAFI e aprimore seu currículo para uma carreira de sucesso.

Graduação em Ciências Contábeis 

MBAs

 

Fonte: Portal Exame

Controller e tributação são áreas demandadas em 2015

Para acompanhar as mudanças do mercado, diversas empresas têm iniciado processos de estruturação e reestruturação, além da implementação de controles e processos para um crescimento sólido e rentável. Essas transformações têm beneficiado profissionais graduados em Ciências Contábeis, Administração, Economia e Direito, gerando muitas oportunidades.

Após analisar o cenário econômico do Brasil e do mundo, a empresa de recrutamento Michael Page destacou três cargos em áreas relacionadas a finanças como as mais demandadas pelo mercado em 2015. Confira:

1)      Controller

Responsável pela gestão contábil, fiscal, coordenação e direção das atividades executadas nas áreas de planejamento, controladoria e finanças. A demanda por essa qualificação foi intensificada após a implementação das IFRS na contabilidade brasileira.

2)      Gerente de Planejamento Tributário

Acompanha e garante a apuração e o planejamento dos tributos em todas as esferas, atuando de acordo com a legislação fiscal e atendendo às auditorias. Além disso, ainda participa de processos decisórios da organização sobre aquisições, cisões, incorporações e vendas. A complexidade da matriz tributária brasileira exige uma demanda de profissionais qualificados na área.

3)      Gerente de Desenvolvimento de Negócios

Prospecta e lidera projetos de negócios ainda não explorados, com o objetivo de captar novas fontes de receita para a empresa. Responsável por gerar novos contratos a partir do desenvolvimento de nova aplicação para produto ou serviço.

Para alcançar estes cargos, os profissionais precisam se qualificar. A FIPECAFI oferece cursos específicos: MBA Controller e MBA Gestão Tributária.

Matricule-se até 27 de fevereiro e garanta 5% de desconto no valor total do curso. Aproveite!

Fonte: Guia do Estudante

Como se destacar na carreira?

Em meio a um mercado cada vez mais aquecido e disputado, é importante estar atento a alguns fatores para conquistar os melhores cargos e oportunidades.

Nós da FIPECAFI separamos algumas dicas para você se diferenciar:

1)      Não realize apenas as tarefas que chegam até você. Procure ajudar colegas de trabalho com suas atividades e busque soluções para problemas gerais.

2)      Aprender ou exercitar outros idiomas como inglês e espanhol proporcionam diferenciais na disputa por uma vaga ou por uma promoção. Com as diversas negociações internacionais existentes, os profissionais precisam compreender os termos técnicos em outra língua, mas também não podem deixar de dominar o português.

3)      A ética e o caráter são primordiais para os lados profissional e pessoal de qualquer indivíduo.

4)      Procurar conhecer bem a empresa que deseja fazer parte ou a que já integra é muito importante. Quanto mais informações você tiver, mais prático será realizar suas atividades e trazer resultados positivos para a organização.

5)      Todas as áreas de uma empresa são interligadas, ou seja, uma depende da outra. Por isso, é importante saber trabalhar em equipe, ouvir e estar aberto às ideias dos colegas de trabalho.

6)      Quem para na graduação fica para trás. É importante participar de palestras, seminários, investir em certificações, línguas estrangeiras e cursos de MBA, Especialização, Extensão, entre outros.

Para auxiliar nessa jornada, a FIPECAFI proporciona o desconto de 5%, no valor total dos cursos de MBA e Especialização, para todos os matriculados até 27 de fevereiro. Aproveite!

Confira as grades participantes:

MBA

Especialização

Banco Mundial prevê crescimento para o Brasil

O Banco Mundial (BM) espera que o Brasil cresça apenas 0,5% neste ano, índice que só será superado, no futuro, se o país adotar uma série de agendas.

A primeira atitude seria analisar o tipo de política econômica que pode despertar interesse nos investidores. Uma boa parte do crescimento do país nesses últimos anos, foi construída com base no consumo. A economia anda crescendo ao longo prazo e não somente com o consumo, mas vem mantendo uma certa estabilidade.

Durante a apresentação do estudo “Desigualdade em uma América Latina com menor crescimento”, a previsão foi ao inferior crescimento que está abaixo da média da região, que é de 2,7% para 2014, e se encontra atrás de 27 nações da região. O Brasil só supera Barbados, Argentina e Venezuela.

Com esse nível baixo de crescimento, o Brasil e outros países como Argentina e Venezuela podem encontrar dificuldade de manter a redução da desigualdade registrada na última década, com a redução da metade dos níveis de pobreza extrema foi alcançada. Segundo o BM, com esse nível baixo de crescimento, países como o Brasil, a Argentina e a Venezuela podem ter dificuldades para manter a tendência de redução da desigualdade registrada na última década, 12% em 2012, e a duplicação da classe média para 34% da população latino-americana no mesmo ano.

(fonte: http://goo.gl/uRSqrq)

FIPECAFI comemora 40 anos

A FIPECAFI (Fundação Instituto de Pesquisas Contábeis, Atuariais e Financeiras) comemorou, na noite de 1º de agosto de 2014, 40 anos de existência com grande festa de confraternização, reunindo conselheiros, diretores, funcionários, colaboradores, representantes de entidades de classe e imprensa, no Club Homs, em São Paulo (SP).

O Prof. Dr. Iran Siqueira Lima, presidente da FIPECAFI, em seu discurso enfatizou que a Fundação é “um ser vivo que o tempo todo busca projetos inovadores. E os professores também são assim: estão de olho em oportunidades diferentes, dentro e fora do Brasil. O compartilhamento de dados enriquece a Fundação, torna-a atraente, dinâmica, visionária”.

O Prof. Dr. Sérgio de Iudícibus, membro do Conselho Curador da FIPECAFI, destacou que o século 21 é o “século da Contabilidade, da informação, da transparência”.

Os presentes foram honrados também com o discurso do Dr. Airton Grazzioli, Promotor de Justiça e Curador de Fundações de São Paulo. Grazzioli declarou que é “motivo de alegria completar e lembrar os 40 anos de história”. A FIPECAFI foi criada em um momento que o Estado se bastava a si próprio, mas ao mesmo tempo buscava-se flexibilidade com a criação de fundações de apoio a pesquisas e ensino. Hoje, o professor universitário amplia a atuação de suas barreiras geográficas por meio do ensino a distância em tempo real num momento de globalização. A FIPECAFI tem desempenhado com excelência a sua função de apoio ao Departamento de Contabilidade e Atuária da FEA-USP, concluiu o Dr. Airton Grazzioli.

Reconhecimento internacional – Fundada em 1º de agosto de 1974 por Professores do Departamento de Contabilidade e Atuária da FEA-USP (Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo), a instituição é centro de referência em pesquisa e educação nas áreas de contabilidade, finanças, mercado financeiro, atuária e agora também em educação a distância com o reconhecimento internacional conferido ao Curso Online de Extensão em IFRS e NIA como Curso Exemplar no Catalyst Award 2014, evento promovido pela Blackboard Internacional para reconhecer as instituições que servem como exemplo de inovação no campo da educação. A FIPECAFI foi a única instituição brasileira reconhecida na categoria Curso Exemplar e, na edição de 2014, a única representante latino-americana entre os ganhadores.

O curso reconhecido é parte do Projeto de Harmonização das Normas Internacionais de Contabilidade e de Auditoria, executado pela FIPECAFI em parceria com Ibracon (Instituto dos Auditores Independentes do Brasil) e apoiado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID/FOMIN) e que, busca, entre outros objetivos, fornecer programa robusto de atualização em normas internacionais de contabilidade e auditoria gratuitamente a professores de cursos de graduação em contabilidade no país. Assim, a FIPECAFI comemora seus 40 anos contribuindo para o desenvolvimento da área de negócios no país.

Homenagem – O Prof. Dr. Iran Siqueira Lima, presidente da FIPECAFI, realizou na ocasião homenagem a alguns funcionários que colaboram com a FIPECAFI há 20 anos ou mais, desejando que a parceria com a fundação continue por outros tantos anos. Foram homenageados com pequena lembrança e o muito obrigado da diretoria pela dedicação demonstrada: Mario Fernandes, Jadilson Silva, Julia Barker e Liliane Neves.

Revista – Durante o evento comemorativo, houve também o lançamento da Revista FIPECAFI, que é eletrônica e voltada para o contador no dia a dia, para professores e alunos.

Livro – Foi distribuído aos presentes o livro “40 Anos de Formação e Disseminação do Conhecimento”. O livro conta a história dos desafios e realizações com depoimentos de líderes e colaboradores. A FIPECAFI tem se desenvolvido com a oferta de cursos de curta e longa duração, ensino a distância, consultorias, pareceres técnicos e direitos autorais (provenientes de livros hoje na casa de 4 milhões de exemplares). Hoje a FIPECAFI adquiriu a robustez idealizada por seus instituidores, em especial o Prof. Antônio Peres Rodrigues Filho, e praticamente adquiriu a maturidade ao receber do Ministério da Educação a autorização para funcionar na forma de Faculdade, oferecendo o curso de Graduação em Ciências Contábeis, afirma o Prof. Dr. Iran Siqueira Lima.

O livro conta com uma série de depoimentos. O Prof. Dr. Nelson Carvalho afirma: “Tudo o que um departamento de universidade de primeiro mundo oferece – participar de congressos internacionais, trazer professores estrangeiros, financiar livros, teses e pesquisas – aqui no Brasil, contamos com o auxilio da FIPECAFI“.

O Prof. Dr. Eliseu Martins destaca que: “A FIPECAFI nasceu com a filosofia de servir como fonte de trabalho, de dinheiro, de experiência para professores e alunos. Ela sempre oferece a oportunidade de aprender, ensinar, treinar”.

“São 40 anos de muito trabalho. Começamos numa sala de 12 metros quadrados e hoje estamos num edifício próprio de 12 andares. Nossa preocupação foi desenvolver bem cada projeto, cada curso, e o resultado apareceu. O Manual de Contabilidade, o prêmio Melhores&Maiores, o Troféu Transparência. Oferecemos sempre o melhor para os profissionais”, declara o Prof. Geraldo Barbieri.

 

Em agosto a FIPECAFI completa 40 anos de tradição no ensino

A instituição tem orgulho da importante participação na carreira dos alunos e pesquisas no mercado 

No próximo mês, a Fundação Instituto de Pesquisas Contábeis, Atuariais e Financeiras, completa 40 anos de um trabalho responsável e eficaz nas áreas de contabilidade, economia, finanças e afins.

Sempre inovando, a instituição cresceu e modernizou o ensino, criando novas formas e níveis de passar todo o conhecimento necessário para seus alunos. O corpo docente é composto por professores doutores e mestres em sua maioria titulados pela FEA/USP em contabilidade e áreas afins, com experiência no mercado e na docência de pós-graduação lato sensu (MBA). Além disso, a FIPECAFI tem grande presença nas pesquisas mais recentes e importantes da área, contando com profissionais atuantes e renomados.

Visite nosso site, conheça nossa missão e valores e venha fazer parte dessa história de sucesso! Clique aqui.

 

IBRI e Abrasca realizam evento sobre mercado de capitais

No local, uma exposição paralela com 21 estandes permitirá às empresas/instituições exporem seus produtos/serviços 

Nos próximos dias 22 e 23 acontece o 16º Encontro Nacional de Relações com Investidores e Mercado de Capitais, realizado pela Associação Brasileira das Companhias Abertas (Abrasca) e pelo Instituto Brasileiro de Relações com Investidores e Mercado de Capitais (IBRI).

O evento será sediado na Fecomercio e contará com renomados palestrantes do Brasil e do exterior totalizando 700 participantes entre diretores e gerentes financeiros e de relações com investidores de companhias abertas, além de autoridades, dirigentes de entidades e demais profissionais ligados ao mercado financeiro e de capitais.

A FIPECAFI estará presente com um stand cheio de informações e novidades sobre o assunto. Visite-nos!

Saiba mais sobre o evento, clique aqui.

Investidor continua pagando caro em fundos de investimento

Taxa ainda é muito alta para pequenos aplicadores

A taxa de administração de fundos de investimento diminuiu nos últimos anos. O fundo DI é de 0,74% atualmente, apesar disso, pequenos investidores, que têm aplicação inicial de até R$ 1 mil, pagam 3,28%. Especialistas do mercado financeiro são enfáticos ao afirmar que o ganho nesses casos diminui muito e o investimento passa a não valer mais a pena.

O professor da FIPECAFI José Dutra Vieira Sobrinho falou a revista Época Negócios sobre o assunto: “Quando a taxa Selic estava em 8% ao ano, pagar taxa em fundos de renda fixa e DI acima de 0,5% já não compensava. Como o juro subiu para 11%, agora é interessante pagar até 2%”, avaliou. O custo pode parecer baixo, mas no longo prazo faz diferença na rentabilidade. Segundo cálculos do professor, considerando que o fundo consiga acompanhar a Selic, renderia 11% ao fim de um ano. Ao se descontar a taxa de administração, a rentabilidade cai para 7,359%. Após ser deduzido o Imposto de Renda, o rendimento é menor ainda: 6,07%. O IR nos fundos de renda fixa e DI cai conforme o prazo, começando em 22,5% para resgates em menos de seis meses e terminando em 15%, para mais de dois anos. Na simulação, o IR foi de 17,5%.

Clique aqui e leia matéria completa no site da revista Época Negócios:

Educação Executiva abre turma de análise de demonstrações contábeis

Curso de análise de demonstrações contábeis aborda temas como balanço patrimonial, DRE, DOAR, DFC e fluxo de caixa

A FIPECAFI oferece a profissionais dos mais diversos seguimentos um programa completo a respeito da análise das demonstrações contábeis com foco na compreensão da situação econômica e financeira das empresas e do seu desempenho.

Ao longo do curso, será destacada a importância do fluxo de caixa como instrumento de gestão através de aulas expositivas, discussões de casos práticos e resolução de exercícios. Dessa forma, o participante finaliza o curso preparado para o mercado de trabalho e todos os percalços e riscos das atividades empresariais.

As aulas estão previstas para iniciarem em 30 de junho, continuando em 02, 07, 14, e 21 de julho (segundas e quartas), no turno da noite.

Clique aqui e saiba mais sobre o curso, conteúdo programático, inscrições e formas de pagamento.

Primeiro semestre de 2014 terá menos empresas endividadas

Inadimplência das empresas deve cair até o fechamento do período

O professor da FIPECAFI, Silvio Paixão, falou ao DCI (Diário Comércio Indústria e Serviços) que as empresas devem estar mais conservadoras e prudentes, nesse primeiros seis meses do ano, para quitar dívidas e restabelecer a normalidade dos índices de inadimplência. Ele espera um controle mais efetivo dos fluxos de caixa e melhor acompanhamento do desempenho das vendas.

Em janeiro deste ano, a inadimplência das empresas cresceu 11,3% em relação a dezembro de 2013, de acordo com dados fornecidos pela Serasa Experian. Na comparação de janeiro de 2014 contra o mesmo mês de 2013, o indicador também apresentou alta anual de 11,1%.

Segundo o professor, o crescimento da inadimplência denota que o nível de atividade econômica não cresceu como o esperado: “Isso acaba tendo como resultado atrasos e incapacidade de honrar os compromissos”. Ele avalia ainda que os dados divulgados pela Serasa Experian estão muito além do aguardado. Para Silvio, a inadimplência do consumidor, que também aumentou no período, reflete nas pequenas empresas. “Quando as empresas recebem menos que o esperado, seus títulos não serão pagos”, disse.

 

Fonte: DCI | 27.02.14

FIPECAFI oferece curso de Contabilidade e Análise de Balanços de Empresas Construtoras

17ª turma tem início previsto para final de março.

A modalidade Educação Executiva abre mais uma turma de curso voltado para construção civil. “Contabilidade e Análise de Balanços de Empresas Construtoras” vem com um programa que objetiva a ampliação dos conhecimentos da contabilidade no setor da construção civil e estuda na prática como analisar os balanços do setor. O curso é voltado para contadores, administradores, consultores e interessados no setor. As aulas são expositivas, com estudos dirigidos, estudos de caso e discussão em grupo.

Saiba mais em nosso site. Clique aqui.

Fonte: Revista O Empreiteiro http://goo.gl/jFyNvf.