Mercado de trabalho em 2015 é favorável a profissionais de finanças

O mercado de trabalho este ano tem seguido uma linha cautelosa quanto a investimentos e controle financeiro por parte das organizações. O cenário anda favorável aos profissionais de finanças, já que é a área que mais está em evidência nas … Continuar lendo

O que envolve o universo atuarial?

Instituições de seguros e de previdência privada lidam com a gestão de ativos e de pensões, envolvendo a análise de riscos e expectativas financeiros e econômicos. Profissionais responsáveis pela administração delas precisam dominar uma série de conhecimentos em economia, administração, … Continuar lendo

Controller e tributação são áreas demandadas em 2015

Para acompanhar as mudanças do mercado, diversas empresas têm iniciado processos de estruturação e reestruturação, além da implementação de controles e processos para um crescimento sólido e rentável. Essas transformações têm beneficiado profissionais graduados em Ciências Contábeis, Administração, Economia e … Continuar lendo

Banco Mundial prevê crescimento para o Brasil

O Banco Mundial (BM) espera que o Brasil cresça apenas 0,5% neste ano, índice que só será superado, no futuro, se o país adotar uma série de agendas. A primeira atitude seria analisar o tipo de política econômica que pode … Continuar lendo

Extensão Introdução à Psicologia Econômica começa amanhã

O curso conta com aulas expositivas, apresentação em Power Point e estímulo a debates Profissionais formados em Psicologia, Contabilidade, Economia, Administração, Políticas Públicas, Direito, Micro finanças, Informação, Serviço Social e muitas outras áreas afins, e que querem interligar todos esses … Continuar lendo

Graduação em Ciências Contábeis em metade do tempo normal

Programa aproveita disciplinas estudadas em outros cursos A FIPECAFI lança uma graduação especialmente voltada para profissionais formados em cursos como: Administração, Economia, Estatística, Atuária, Engenharia e Direito.  O tempo de conclusão do curso pode diminuir pela metade, através da eliminação … Continuar lendo

MBA Gestão Tributária inicia amanhã

O curso é composto por três módulos estruturados de forma lógica e consistente Profissionais das áreas de Contabilidade, Administração, Direito e Economia que desejam atualizar, aperfeiçoar e aprofundar conhecimentos para uma atuação eficaz na gestão tributária de empresas, precisam conhecer … Continuar lendo

Graduação em Ciências Contábeis para alunos já graduados

Curso contempla formados em especialidades que ofereçam sólida base de conhecimentos na área A FIPECAFI oferece um curso de graduação em Ciências Contábeis para profissionais diplomados em administração, economia, estatística, engenharia e direito, com tempo reduzido. Por meio da eliminação … Continuar lendo

Brasileiros economizam e investem mais em poupança

Investimento registrou, em janeiro, o 23º mês consecutivo de resultado positivo Mesmo com a inflação em alta e a expectativa de um ano de turbulências na economia, o brasileiro tem poupado cada vez mais. Relatório divulgado no último dia 08, … Continuar lendo

Participação do BNDES na economia bate recorde

1298

A “interferência” do BNDES no financiamento aos investimentos de empresas e famílias no Brasil bateu recorde ao atingir a fatia de 19,7% no segundo trimestre deste ano. Em 2009, em plena ressaca da crise global, o banco chegou a deter 19,5% de participação. Sua fatia nesse segmento cresceu de 1% para 3,1% do PIB em uma década. Quais são as implicações desse dado? Saiba mais! Continuar lendo

COPOM – PARA ONDE IRÁ A TAXA DE JURO?

*Alberto Furuguem Veículo: Cenário Econômico Se o Comitê de Política Monetária do Banco Central (COPOM), na reunião desta semana, decidir elevar a taxa básica de juro (SELIC), de 8,50% para 9,00%, estará confirmando a expectativa predominante no mercado. Apesar de terem, os … Continuar lendo

POLÍTICAS ECONÔMICAS – NOVOS TEMPOS EXIGEM HUMILDADE E PRAGMATISMO

Alberto Furuguem Depois do “grave erro” (Set/2008,Governo Bush, filho) de deixar o Lehman Brothers (grande e tradicional banco de investimento americano) quebrar, os Tesouros do Reino Unido, dos Estados Unidos e de alguns outros países desenvolvidos tiveram que injetar “dinheiro grosso”, para salvar … Continuar lendo