Mercado de trabalho em 2015 é favorável a profissionais de finanças

O mercado de trabalho este ano tem seguido uma linha cautelosa quanto a investimentos e controle financeiro por parte das organizações. O cenário anda favorável aos profissionais de finanças, já que é a área que mais está em evidência nas empresas.

Recrutadores entrevistados pela Exame afirmaram que boa parte das empresas não conseguiu bater suas metas no ano passado, tornando necessária a presença de um profissional para organizar este objetivo e realizar a gestão financeira da empresa, maximizando sua rentabilidade.

Gerente ou diretor de planejamento financeiro, gerente de planejamento tributário, gerente ou diretor de compliance e controles internos, controller, diretor financeiro e executivo de governança corporativa são alguns dos cargos que se manterão em alta este ano.

As funções exigem graduados em Administração, Economia, Engenharia ou Ciências Contábeis, além de pós-graduação na área financeira. Conheça as grades de curso da FIPECAFI e aprimore seu currículo para uma carreira de sucesso.

Graduação em Ciências Contábeis 

MBAs

 

Fonte: Portal Exame

Carreira internacional: o momento é agora

Profissionais das áreas de contabilidade, controladoria e finanças que sonham com uma carreira profissional no exterior, já podem começar a pensar no que vão levar na mala.

Foi divulgado um ranking, pela consultoria de recursos humanos Glassdoor, com uma lista composta por 25 profissões que estão em alta nos Estados Unidos, neste momento. Dentre elas, quatro envolvem as áreas comentadas anteriormente: gerente de novos negócios, gerente financeiro, analista de negócios e gerente de auditoria.

O caminho que levou ao resultado foi baseado em três fatores, retirados da base de dados da consultoria, como:

1)      Ganhos em potencial, de acordo com o histórico de rendimentos anuais dos profissionais;

2)      Um índice que analisa oportunidades de carreira;

3)      O número de oportunidades disponíveis para cada carreira.

Confira o número de vagas e o salário médio anual para as carreiras relacionadas à economia:

  • Gerente de novos negócios

Vagas: 11,616

Salário anual: US$ 94,907

  • Gerente financeiro

Vagas: 9,728

Salário anual: US$ 122,865

  • Analista de negócios

Vagas: 21,337

Salário anual: US$ 74,638

  • Gerente de auditoria

Vagas: 4,585

Salário anual: US$ 69,271

Qualifique-se e amplie suas oportunidades na carreira! Conheça os MBAs da FIPECAFI.

O que envolve o universo atuarial?

Instituições de seguros e de previdência privada lidam com a gestão de ativos e de pensões, envolvendo a análise de riscos e expectativas financeiros e econômicos. Profissionais responsáveis pela administração delas precisam dominar uma série de conhecimentos em economia, administração, contabilidade, matemática, finanças e estatística, para entender os modelos atuariais elementares.

Os conceitos atuariais são aplicáveis em todos os ramos de negócios. Os estudos na área dividem-se basicamente em questões tratadas a longo (aposentadoria, pensões, seguros de vida e saúde) e a curto prazo (seguros de automóveis e responsabilidade civil). O desenvolvimento de produtos mais sofisticados e complexos tem feito o mercado demandar por profissionais com habilidades atuariais.

Esteja preparado para o moderno mundo dos negócios e seus riscos adjacentes: MBA Gestão Atuarial e Financeira da FIPECAFI. O curso tem mais de 15 anos de existência e é ministrado por professores inseridos no mercado e em projetos de pesquisas, trazendo o que há de mais atual para as salas de aula.

Não perca a chance, matricule-se!

Evento debate a regulação da contabilidade pública aos padrões internacionais

A Faculdade FIPECAFI realiza no dia 03 de março, a partir das 15h, mais uma palestra voltada à atualização dos profissionais da área contábil. O tema da vez será “Avanços e Desafios da Regulação e Prática da Contabilidade Aplicada ao Setor Público em Padrões Internacionais” e o palestrante o analista de Finanças e Controle da Secretaria do Tesouro Nacional, do Ministério da Fazenda, Leonardo Silveira do Nascimento.

O evento tem a coordenação dos professores do MBA Contabilidade Pública da FIPECAFI, Patrícia Varela e Iran Siqueira. As inscrições podem ser feitas na página de eventos ou pelo e-mail eventos@fipecafi.org.

Mais informações podem ser obtidas através do telefone (11) 2184.2096.

 

Palestra: Avanços e Desafios da Regulação e Prática da Contabilidade Aplicada ao Setor Público em Padrões Internacionais

Data: 03 de março de 2015
Horário: 15h
Palestrante: Leonardo Silveira do Nascimento, analista de Finanças e Controle da Secretaria do Tesouro Nacional (Ministério da Fazenda)
Local: FIPECAFI – Rua Maestro Cardim, 1170 – Bela Vista – São Paulo/SP (próximo à Avenida Paulista e das estações Paraíso e Vergueiro do Metrô)

Instituições financeiras: ingresse da melhor forma

Atuar em instituições financeiras faz parte dos planos de diversos profissionais. Muitas vezes, elas oferecem benefícios maiores que de outras empresas, ajudando a reduzir os gastos de seus funcionários. Outra vantagem a ser destacada, é a possibilidade de plano de carreira. Essa série de pontos positivos que tornam os bancos mais atrativos, também fazem com que os processos seletivos sejam mais criteriosos e estratégicos.

Antes de se candidatar, os profissionais devem verificar se as vagas disponíveis são compatíveis com suas capacidades. Grande parte dos não aprovados são dispensados por “aumentarem” suas experiências e habilidades ou por não atualizarem seus currículos.

Se você já integra alguma organização financeira e tem interesse em alcançar cargos mais altos e de liderança ou se deseja ingressar nesse universo, amplie suas possibilidades com a Especialização em Banking, da FIPECAFI. O curso irá expandir seus conhecimentos sobre o funcionamento do mercado financeiro, suas oportunidades de negócios, seus produtos, suas operações e seus riscos. Você ainda desenvolverá sua capacidade analítica e decisória.

Inscreva-se na próxima turma e alcance seu objetivo profissional. Matriculando-se até 27/02 você ganha 5% de desconto! Confira as condições com a nossa central de informações: (11) 2184.2020 ou comercial@fipecafi.org.

Leia mais

Eliseu Martins, presidente do Conselho Curador da FIPECAFI, recebe o Prêmio Professor Notável do CRC SP

Os impactos das IFRS no cenário contábil do Brasil

Inscrições abertas para MBA Finanças, Comunicação e Relações com Investidores com início em março de 2015

A Faculdade FIPECAFI, mantida pela Fundação Instituto de Pesquisas Contábeis, Atuariais e Financeiras, está com inscrições abertas para o MBA Relações com Investidores, oferecido em parceria com o IBRI (Instituto Brasileiro de Relações com Investidores). As aulas têm previsão de início em março de 2015 e o processo seletivo, composto por análise curricular e entrevista presencial com o coordenador do curso, já foi iniciado. O curso foi iniciado em 2001 e é pioneiro no Brasil, tendo se desenvolvido e consolidado em consonância com as necessidades e tendências do mercado de capitais. A parceria com o IBRI assegura o caráter prático e atual do programa. O conteúdo possibilita aos profissionais uma visão global em business, o entendimento conceitual e operacional das diversas atividades relacionadas com o mercado financeiro e de capitais, e promove, ainda, amplo treinamento na área de comunicação e marketing, com a utilização das mais modernas técnicas existentes.

Mais informações: Curso: MBA Finanças, Comunicação e Relações com Investidores

Clique aqui para se inscrever.

Telefone para informações: (11) 2184-2020

E-mail: comercial@fipecafi.org

Brasileiros exageram nos gastos fora do país

BC (Banco Central), registrou US$ 2,4 bilhões de gastos de brasileiros no exterior. Foi maior resultado desde 1995 para meses de setembro.

Entre janeiro a setembro, os gastos no exterior alcançam US$ 19,6 bilhões, contra US$ 24,9 bilhões se comparando com o mesmo período do ano passado. Em setembro de 2013, as despesas de brasileiros no exterior totalizaram US$ 1,9 bilhão.

Fora do país o resultado apresentado com as despesas das viagens intencionais ficou negativa em US$ 1,8 bilhão no mês passado, ante resultado negativo de US$ 1,6 bilhão em setembro de 2013.

Fonte: Revista Exame

Profissionais de contabilidade valorizados no exterior

As profissões da área de contabilidade têm sido muito bem vistas no exterior pela complexidade da engenharia financeira do país.

“O ambiente econômico no Brasil, com regras tarifárias complexas e muita burocracia, faz com que o contador treine no modo ‘hard'”, brinca Edgard Cornacchione, professor de contabilidade e atuária da USP e FIPECAFI

Para exercer a profissão não basta o diploma de graduação, é preciso também ser aprovado no exame do conselho. Fora do Brasil, o profissional deve se submeter à prova da entidade correspondente. O objetivo é cuidar de todas as operações da multinacional como uma conta única; padronizar os documentos seguindo normas internacionais.

A melhor oportunidade para o mercado de profissionais de finanças

O Brasil é o segundo país, perdendo apenas para a China, com mais números de contratações previstas em cargos nas áreas contábil e fiscal. O volume de vagas abertas na área de finanças no primeiro trimestre do ano foi 15% maior comparado ao trimestre anterior.

Em pesquisas já realizadas pelo ManpowerGroup no ano passado, mostrou a área de finanças em terceiro lugar entre as dez carreiras onde se encontra com maior dificuldade para preenchimento de vagas. Por conta desse cenário, a remuneração para cargos como analista contábil aumentou de 25% em relação ao ano de 2013.

(Fonte: Você SA)

IBC-Br cresce em agosto

O IBC-Br (Índice de Atividade Econômica do Banco Central) desacelera e sobe 0,27% em agosto. Em julho, o indicador subiu 1,52%. De acordo com a média, analistas esperavam alta de 0,30% com base nos meses anteriores.

O IBC-Br, considerado espécie de sinalizador do PIB (Produto Interno Bruto), incorpora estimativas para a produção de alguns setores da economia: serviços, indústria e agropecuária, assim como os impostos sobre os produtos.

Fonte: Revista Exame

FIPECAFI participa do “III Encontro de Coordenação Orçamentária, Financeira e Fiscal Intergovernamental de Países Ibero-americanos”

A FIPECAFI (Fundação Instituto de Pesquisas Contábeis, Atuariais e Financeiras), órgão de apoio institucional ao Departamento de Contabilidade e Atuária da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo – FEA-USP, participa do “III Encontro de Coordenação Orçamentária, Financeira e Fiscal Intergovernamental de Países Ibero-americanos”.

O Prof. Dr. Iran Siqueira Lima, Diretor-Presidente da FIPECAFI, enfatizou em seu discurso na abertura do evento a importância da troca de experiências sobre a gestão das finanças públicas, orçamento e coordenação intergovernamental entre os representantes de países e governo subnacionais latino-americanos, de forma a “expandir o conhecimento e melhorar o desempenho das funções de cada um dentro de sua esfera de governo”.

O evento acontece entre os dias 2 e 4 de abril de 2014 e conta com 250 participantes, entre autoridades, técnicos e gestores financeiros da Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Peru, República Dominicana, México e Espanha, entre outros países. Foi organizado pela Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo, em parceria com GEFIN (Grupo de Gestores das Finanças Estaduais) e com o apoio da FIPECAFI e ocorre no Grande Auditório da Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo, Avenida Rangel Pestana, 300 – 17º andar – Centro- Sé – São Paulo (SP).

Palestrantes – O Encontro tem a participação de representantes da Secretaria do Tesouro Nacional, do Banco Mundial, do Banco Interamericano de Desenvolvimento, da Secretaria do Tesouro Nacional, da CEPAL (Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe) e especialistas em Finanças Públicas da América Latina. Os debates envolvem assuntos como Finanças e Receitas Públicas, Orçamento Público, Coordenação intergovernamental e Recursos Humanos e Administração Financeira.

Abertura solene – A abertura do evento ocorreu, em 02 de abril de 2014, quarta-feira, a partir das 9 horas, com palestra do Dr. Andrea Calabi, Secretário da Fazenda do Estado de São Paulo, que fez balanço das transformações da economia mundial e o impacto nas finanças públicas.

O Prof. Dr. Iran Siqueira Lima, Presidente da FIPECAFI, destacou que no caso brasileiro um ponto bastante relevante da Constituição de 1988 foi o capítulo de Finanças Públicas. A Constituição registrou os aspectos principais da gestão pública e enfatizou a transparência que se deveria dar na aplicação dos recursos que compõem os orçamentos submetidos ao Poder Legislativo, quais sejam Orçamento Geral da União, o de Seguridade Social e o de Investimento das Empresas Estatais (empresas públicas e sociedades de economia mista), elaborados dentro das premissas estabelecidas pela LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias).

No Brasil, o cálculo do superávit ou déficit é feito pelo regime de caixa, e não pelo de competência e, sendo assim, “não raras vezes, alguns projetos de investimentos são preteridos, em função do atingimento do nível de superávit que se pretende alcançar para o exercício, principalmente quando não se consegue estabelecer financiamento adequado para os programas de investimento, também conhecidos por NEFIL (Necessidade de Financiamento Líquido). “Assim o fazendo, o governo acaba, não raras vezes, por postergar obras em diversos setores da economia, que no momento seguinte acabarão por trazer malefícios para a sociedade”, declarou o Prof. Dr. Iran Siqueira Lima.

 

Professores da FIPECAFI participam no evento em três painéis de discussão:

02/04/2014 (quarta-feira)  – 16 horas – Painel: Práticas inovadoras de Programação financeira –  Tema: Parceria público-privada:” o interesse público e a escolha da forma de compensação por desequilíbrio econômico-financeiro da concessionária” – Prof.  Francisco Anuatti e Prof. Frederico Barbosa

03/04/2014 – quinta-feira – 09 horas – Painel: Contabilidade e Normas internacionais – Consolidação de dados e publicação dos três níveis de governo. Regras fiscais – Tema: Desafios da Nova Contabilidade – Professor Heraldo Oliveira e Professor Alberto Gergull

04/04/2014 – sexta-feira – 09 horas – Modernização e Desburocratização de Governos e os impactos nas Finanças Públicas – Márcia Vieira e Leonardo Paolucci (Consultores da FIPECAFI)

 

Serviço:

“III Encontro de Coordenação Orçamentária, Financeira e Fiscal Intergovernamental de Países Ibero-americanos”

Data: 2 a 4 de abril de 2014

Local: Grande Auditório da Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo, Avenida Rangel Pestana, 300 – 17º andar – Sé –  São Paulo – SP

 

Mais informações:

http://www.fazenda.sp.gov.br/caf_2014/default.shtm

 

FIPECAFI participará de evento em parceria com GEFIN

O objetivo do encontro é proporcionar uma visão analítica e crítica da administração financeira

Entre os dias 02 e 04 de abril, ocorrerá o III Encontro de Coordenação Orçamentária, Financeira e Fiscal Intergovernamental de Países Ibero-americanos. Organizado pela Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo, em parceria com o GEFIN (Grupo de Gestores das Finanças Estaduais), a solenidade conta com o apoio e participação da FIPECAFI.

Proporcionar uma visão analítica e crítica que compartilhe o conhecimento, desperte o debate e inspire ideias inovadoras nos participantes sobre o âmbito da administração financeira são os objetivos do evento, que será realizado no auditório da própria secretaria.

O evento contará com a presença de mais de 250 convidados, além da participação de autoridades, técnicos e gestores financeiros da Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Peru, República Dominicana, México, Espanha, entre outros países.

Professores da FIPECAFI que participarão do evento, em três painéis de discussão:

02/04, às 16h: Práticas inovadoras de Programação financeira – Tema: Parceria público-privada:” o interesse público e a escolha da forma de compensação por desequilíbrio econômico-financeiro da concessionária” – Prof.  Francisco Anuatti e Prof. Frederico Barbosa.

03/04, às 9h: Contabilidade e Normas internacionais – Consolidação de dados e publicação dos três níveis de governo. Regras fiscais – Tema: Desafios da Nova Contabilidade – Professor Heraldo Oliveira e Professor Alberto Gergull.

04/04, às 9h: Modernização e Desburocratização de Governos e os impactos nas Finanças Públicas – Leonardo Paolucci e  Márcia Vieira (Consultores da FIPECAFI).

 

Serviço:

“III Encontro de Coordenação Orçamentária, Financeira e Fiscal Intergovernamental de Países Ibero-americanos”

Data: 2 a 4 de abril de 2014

Local: Grande Auditório da Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo, Avenida Rangel Pestana, 300 – 17º andar – Sé – São Paulo/SP

 

Informações e inscrições:

http://www.fazenda.sp.gov.br/caf_2014/default.shtm.